Harmonização de azeite e pratos: 3 dicas de Marcelo Scofano


Harmonização de azeite e pratos: 3 dicas de Marcelo Scofano

Ao ouvir a palavra harmonização, a primeira coisa que costuma vir à sua cabeça é a combinação de bebidas e comidas, não é mesmo? Na verdade, a harmonização vai muito além disso.
No post de hoje, falaremos sobre um assunto tão delicioso quanto a combinação citada acima: a harmonização de azeites de oliva extra virgem. Para isso, trouxemos algumas receitas do chef Marcelo Scofano, renomado chefe da área! Confira!

Sobre o chef Marcelo Scofano

Quando o assunto é azeite de oliva extra virgem, temos como referência no Brasil um mestre no assunto: o chef Marcelo Scofano.
Azeitólogo e consultor gastronômico, Scofano aperfeiçoou seu conhecimento sensorial com o intuito de aumentar as suas percepções e o reconhecimento dos gostos, sempre atento às peculiaridades que o azeite apresenta.

Por dentro da harmonização de azeite

Assim como ocorre em qualquer combinação, na harmonização do azeite de oliva extra virgem é preciso combinar esse item com a essência do prato, sempre tendo em vista que ele será parte ativa de sua composição.
Na escolha do azeite, o primeiro item a ser observado é o rótulo da embalagem. Lá estão informações fundamentais como a origem, o local de produção, o ano da safra e a acidez, que por sua vez, resguarda as características iniciais de sua produção.

O frescor é muito importante na escolha: o azeite é o sumo de uma fruta e deve ser consumido fresco. Por isso, busque sempre a última safra.

Os atributos sensoriais do azeite de oliva são o frutado, o amargo e o picante.  O primeiro atributo é percebido principalmente no olfato e suas características podem ser de aromas verdes ou maduros em maior ou menor intensidade.  Amargos e picantes são percebidos no paladar, devem ser equilibrados e em sua ausência, dizemos que o azeite é “doce”.

O azeite que possui a picância e o amargor com características evidentes combina perfeitamente com carnes vermelhas e pratos mais condimentados.  Segundo o chef Scofano, essa combinação ocorre em razão de que azeites devem ser harmonizados, na maior parte das vezes por semelhança, ou seja, azeites suaves com pratos leves e azeites mais intensos com pratos mais condimentados ou de sabor mais forte.

Conheça os azeites extra virgem Verde Louro clicando no banner abaixo!
banner azeites

3 dicas imperdíveis de Marcelo Scofano:

Azeite e churrasco

Ainda que a gastronomia gaúcha nunca fez uso do azeite para finalizar as carnes de seus tradicionais churrascos, a mudança desse paradigma pode surpreender, já que nestas terras tem se elaborado os melhores azeites brasileiros.

Para isso, você precisará de um belo corte de carne e de um ótimo azeite com boa intensidade de frutado.  Após temperar tudo com sal, pimenta e demais condimentos de sua preferência, regue a carne com azeite, em uma quantidade suficiente para cobri-la.
O uso do azeite nessa receita preserva o sabor da carne quando exposta ao fogo e proporciona um aroma ainda mais especial ao prato!

Dica: Aprenda a fazer um delicioso bacalhau!

Azeite e pão

Esse clássico prato provém de uma cultura ancestral e faz parte do cotidiano de muitas pessoas. É uma harmonização simples e agradável para servir como entrada de um jantar especial, por exemplo.
Nesse caso, pode-se optar por apresentar azeites de distintas intensidades de frutado ou ainda azeites aromatizados, condimentados com uma pitada de flor de sal e de pimenta do reino, que poderão acompanhar pães italianos.

Isso trará uma explosão de sabores ao paladar, despertando sua capacidade sensorial quanto a outros aromas.

Azeite e sobremesa

Pode parecer curioso, mas o azeite combina muito bem com um prato de sobremesa ou simplesmente frutas in natura.Um exemplo é o da receita de morangos marinados no vinagre balsâmico e no azeite extravirgem.
Para prepará-la, corte os morangos em fatias, polvilhe açúcar mascavo sobre eles, acrescente uma colher de vinagre balsâmico e, por fim, regue-os com azeite extravirgem de oliva, acrescentando algumas raspas de casca de laranja. Misture levemente todos os ingredientes e reserve-os por cerca de 30 minutos.

Após esse tempo, eles estarão prontos para serem apreciados acompanhados de um agradável creme de chantili ou até mesmo de um sorvete de creme.

Uma outra maneira é cortar laranjas em fatias, colocá-las em um prato, acrescentar um pouco de mel e um fio de azeite extra virgem.  É uma ótima maneira de começar o dia em seu café da manhã.

E aí, ficou com água na boca com essas sensacionais receitas de Marcelo Scofano? Quer continuar acompanhando outras dicas exclusivas como essas? Curta a nossa página no Facebook e não perca nenhuma novidade!
 




Por
24/05/2017


Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!

Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!