Como identificar um azeite falsificado


Como identificar um azeite falsificado

De tempos em tempos você deve ver reportagens em portais de notícias falando sobre os azeites que foram autuados por estarem sendo vendidos como Azeite de oliva extra virgem, mas na verdade não passam de misturas, sem nenhuma pureza. Infelizmente, o azeite de oliva extra virgem é um dos produtos mais falsificados do mundo. O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento é o órgão responsável por realizar fiscalização nas empresas que produzem ou envasam azeite de oliva, atestando a qualidade e grau de pureza do produto. Em alguns casos que foram autuados pela venda de azeite falsificado, óleo de soja, aromatizantes e outros tipos de óleos de origem desconhecida foram usados para falsificar o produto.

O Rio Grande do Sul é responsável por 90% da produção de azeite de oliva extra virgem brasileiro e por aqui, nenhuma empresa foi autuada por irregularidades na qualidade do azeite em 2019. A maior parte dos azeites falsificados encontrados no Brasil, são estrangeiros que vem engarrafados ou são apenas envasados no país.

 

Como identificar um azeite falso